Uninter promove maior feira de empregos e profissões do país e oferece mais de 3.500 vagas de trabalho

O Brasil tem quase 28 milhões de desempregados segundo pesquisa divulgada em maio deste ano pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Somente no Paraná, estado com maior índice de desocupação da região Sul, há 495 mil pessoas sem emprego. Para contribuir com a mudança nesse cenário, o Centro Universitário Internacional Uninter promove a segunda edição da Feira de Empregos e Profissões, considerada atualmente, o maior evento do país no segmento com oferta de mais de 3.500 vagas de trabalho em apenas um dia.

O evento tem entrada gratuita e acontece no dia 21 de julho, das 9h às 19h, no Expo Renault Parque Barigui. Haverá oportunidade para todos os níveis de qualificação e idades, de aprendizes a cargos de mestres e doutores. Também serão ofertadas vagas para pessoas com deficiência, revendedores e profissionais que queiram trabalhar como autônomos e operacionais. Os salários vão de R$1.200,00 a R$12.000,00. Mais de 40 empresas de Recursos Humanos e outras grandes contratantes estarão presentes, realizando triagens e agendando entrevistas. A organização orienta que o interessado já leve vários currículos impressos.

“No ano passado contabilizamos mais de 67 mil atendimentos, passaram pela feira mais de 14 mil pessoas e preenchemos todas as vagas oferecidas. Certamente, muitos candidatos que deixaram seus currículos ainda estão colhendo os frutos dos contatos feitos no evento”, conta Jorge Bernardi, vice-reitor da Uninter e organizador da feira.

Quem estiver no local poderá participar dos talk-shows e palestras realizados durante todo o dia. Após cada bate-papo serão emitidos certificados de extensão e horas complementares.

As inscrições são gratuitas e realizadas no local.

Profissões

A Uninter é considerada o maior e melhor centro universitário do país, segundo o Enade/MEC, e há sete anos consecutivos é a mais lembrada no Prêmio Top Educação. Além disso, possui mais de 650 polos de EAD que levam educação de qualidade para todo o país. Somente em 2018 foram lançados 17 novos cursos, entre eles, três que são inéditos no Brasil: Tecnólogo em Investigação Profissional – Habilitação para Detetive Particular, Educador Social e Bacharelado em Psicopedagogia. Com essa feira, a instituição alia a oferta de empregos com oportunidades para quem quer iniciar ou voltar a estudar.

O público vai encontrar mais de 40 estandes de cursos de graduação, pós-graduação e mestrado, onde os professores estarão presentes explicando cada curso e tirando dúvidas dos futuros estudantes. Os materiais de apoio utilizados nas aulas e os kits de engenharia elétrica, jornalismo, investigador profissional e robótica estarão expostos no local.

Os interessados já poderão realizar o vestibular para mais de 99 cursos superiores, gratuitamente durante a feira, sem a obrigatoriedade de inscrição prévia. E quem fizer a matrícula na hora vai ganhar um curso de inglês on-line.

O Grupo Uninter desenvolveu um programa de orientação profissional para estudantes do ensino médio, o Link no Futuro. O serviço é totalmente gratuito e estará à disposição dos visitantes da feira: basta realizar inscrição no site www.linknofuturo.com e dar início ao teste.

Nesta edição, a Uninter conta com o apoio do Ministério do Trabalho, Governo do Estado Paraná, Fenascon, Sineepres e Sindeprestem-PR. Mais informações podem ser obtidas pelo site http://www.uninter.com/feira ou pelo 0800 702 0500.

2ª Feira de Empregos e Profissões Uninter

Data: 21 de julho, das 9h às 19h.

Local: Expo Renault Barigui, Rua Batista Ganz, 430, Santo Inácio, Curitiba (PR).

Inscrições: gratuitas e podem ser feitas na hora e local do evento.

Mais informações: http://www.uninter.com/feira ou 0800 702 0500

Grupo de alunos da Uninter está entre os 10 finalistas do prêmio Renault Experience

SENSCAR

Com a criação da startup SENSCAR – uma solução voltada ao mercado automotivo –, três alunos do Centro Universitário Internacional Uninter estão entre os 10 finalistas do prêmio Renault Experience, ao lado de grandes universidades do país. Buscando incentivar o empreendedorismo universitário, o programa oferece um guia completo que vai desde a identificação de uma oportunidade, passando pela ideia e desenvolvimento, até, por fim, virar uma startup. “Estamos muito felizes com o reconhecimento do nosso produto. Acreditamos que a dedicação e a persistência nos colocaram entre os 10 finalistas do prêmio Renault Experience”, comemora Jean Pierre, Carlos Cunha e Gabriele Mirian, que integram a equipe de alunos do curso de Relações Internacionais.

Para o professor e orientador, André Ziegmann, a participação da equipe aponta para o engajamento da instituição não apenas no projeto, mas na formação dos estudantes. “A interdisciplinaridade entre professores e estudantes contribuiu para a troca de experiências”, explica Ziegmann. De acordo com o docente, a Uninter cumpre a sua missão ao incentivar o empreendedorismo e o desenvolvimento tecnológico em âmbito nacional.

Uninter lança graduação em Smart Cities, inédita no país

unnamed

Mais do que capacitar profissionais para o mercado de trabalho, o Centro Universitário Internacional Uninter prepara cidadãos para transformar a sociedade. Seguindo esse caminho, a instituição lança para todo o país a primeira graduação em Gestão de Cidades Inteligentes (Smart Cities). O objetivo do curso é formar gestores capazes de criar e implementar soluções para os problemas relacionados ao crescimento dos centros urbanos, levando em conta o desenvolvimento econômico e o bem-estar da população.

De acordo com projeções da ONU, a população mundial chegará perto dos 10 bilhões de habitantes em 2050. No Brasil, o pico populacional deve ocorrer em 2047, quando a população poderá atingir mais de 320 milhões de habitantes. “As cidades precisam se reinventar urgentemente e o uso da inteligência no planejamento urbano se tornou essencial nessa tarefa. A nossa graduação em Smart Cities vai preparar profissionais para enfrentar os desafios relacionados a mobilidade, eficiência energética e sustentabilidade”, ressalta Jorge Bernardi, vice-reitor da Uninter.

Cidades como Yinchua (China), Copenhague (Dinamarca) e Songdo (Coreia do Sul) dão exemplos ao mundo todo. Sensores subterrâneos que detectam as condições do tráfego e reprogramam os semáforos, redução na emissão de carbono a partir do investimento em malha cicloviária, sistema pneumático de lixo que automaticamente classifica o material e o recicla, são algumas das iniciativas.

O Brasil também dá os primeiros passos. Em Santos (SP), o destaque é o aplicativo SIGSantos, que auxilia no mapeamento urbano da cidade e na tomada de decisões públicas. Tubarão (SC), possui com a maior usina solar do país, entre cidades de 100 mil a 500 mil habitantes.

O tema é urgente, mas vem sendo discutido há algum tempo. O Plano Diretor de Curitiba (PR) foi criado em 1966, direcionando o crescimento da capital de forma linearizada. De lá pra cá, foram realizadas grandes mudanças no mapa da cidade, mas que buscaram se manter fieis ao plano original.

“É evidente que as necessidades sociais mudaram e, mesmo as cidades que já possuem um plano, como a capital paranaense, precisam se reinventar, com o apoio de soluções tecnológicas que antes não existiam. É crescente a demanda no mercado por pessoas preparadas para atuar nesse sentido”, explica Bernardi.

O profissional dessa área poderá trabalhar em órgãos públicos da administração municipal, estadual e federal, institutos de planejamento urbano, setores de pesquisa e empresas privadas voltadas para projetos urbanos.

O curso de Gestão Inteligentes (Smart Cities) tem duração de dois anos, é a distância, e título de Tecnólogo. A estrutura curricular do curso é estabelecida a partir das seguintes áreas: Planejamento e Inteligência Urbana, Sustentabilidade, Mobilidade Urbana, Eficiência Energética, Recursos Naturais, Construções Inteligentes, Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC).

Serviço

As inscrições para o vestibular estão abertas. A cada dois meses, há abertura de novas turmas.

Mais Informações: uninter.com ou 0800 702 0500.

Encontro de Iniciação Científica reunirá pesquisadores de todo o Brasil

Um momento para incentivar a formação de novos pesquisadores, expor ideias e aperfeiçoar os estudos. Com esse propósito, o Centro Universitário Internacional Uninter realiza o ENFOC – XIII Encontro de Iniciação Científica, que reunirá professores e alunos em apresentações, debates e mesas-redondas sobre a importância da pesquisa para a excelência acadêmica.

O evento está marcado para os dias 17 e 18 de novembro, no auditório do campus Garcez, em Curitiba. As inscrições são abertas ao público geral, tanto para professores quanto para estudantes de qualquer instituição de ensino, e vão até o dia 31 de outubro. Quem estiver fora da capital paranaense poderá participar e acompanhar as transmissões de abertura e encerramento, que serão feitas à distância, via Youtube. “Com essa opção EAD, interessados no tema, de todo o Brasil, também poderão compartilhar as suas experiências e apresentar trabalhos de qualquer lugar do país”, explica a coordenadora do evento e da área de Pesquisa e Publicações Acadêmicas da Uninter, Desiré Luciane Dominschek.

Durante a programação do ENFOC também acontece o XII Fórum Científico, onde os participantes farão a apresentação dos seus trabalhos, e o IV Seminário do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), oportunidade para os acadêmicos do curso de Pedagogia da Uninter mostrarem os resultados das pesquisas desenvolvidas pelo grupo.

Entre as principais palestras confirmadas para o ENFOC, estão “Os Desafios da Pesquisa no Brasil”, com a professora da UFPR, Ana Sofia Oliveira, no dia 17, às 19h; e “A Pesquisa como Espaço de Formação – O PIBID e Iniciação Científica”, ministrada pela docente da Unespar, Márcia Marlene Stentzler, no dia 18, às 16h.

Segundo Desiré, a pesquisa é importante para o desenvolvimento de qualquer curso de graduação e os universitários vêm mostrando, a cada ano, mais interesse no assunto. “Percebemos isso pelo aumento nas inscrições de projetos, evidenciando que eles estão notando a importância da ciência na vida acadêmica e como isso pode ser fundamental para o futuro, seja no mercado de trabalho, Mestrado ou Doutorado”, exemplifica.

Mais informações e inscrições disponíveis em https://www.uninter.com/extensao/eventos/enfoc-2017/ . O valor da inscrição é R$ 30, 00 o que dá direito para participação em todas as atividades do ENFOC.

ENFOC – XIII Encontro de Iniciação Científica, XII Fórum Científico e IV Seminário PIBID
Data: 17 e 18 de novembro.
Local: Auditório do Centro Universitário Internacional Uninter, Campus Garcez. Endereço: Rua Luiz Xavier, 103, Centro, Curitiba.
Transmissão: pelo canal do Grupo Uninter no Youtube
Inscrições e informações pelo site https://www.uninter.com/extensao/eventos/enfoc-2017/

Meia Maratona de Curitiba acontece neste fim de semana

A Meia Maratona de Curitiba Uninter, uma das mais tradicionais corridas de rua do Paraná, acontece neste domingo (6), às 7h, com largada no Museu Oscar Niemeyer.
Serão 21 km de trajeto a serem percorridos individualmente, em dupla ou trio, nas categorias masculina, feminina ou mista. “Há vários anos a Meia Maratona leva milhares de pessoas às ruas de Curitiba. Apoiar essa prova é uma forma de proporcionar bons momentos para os atletas e suas famílias”, comenta Fabiano Ozique, gerente de Marketing e Comunicação da Uninter, principal patrocinadora do evento.

As inscrições podem ser feitas no site www.esportepraviver.com.br até o dia 3 de agosto e custam a partir de R$ 79,90.

Kids
As crianças também podem participar, em percursos que variam de 100m a 400m, dependendo da idade. A competição está marcada para 11h, após o término da meia maratona. As inscrições custam R$ 50.

Meia Maratona de Curitiba Uninter

Data: 6 de agosto, às 7h
Local da largada: Museu Oscar Niemeyer. Rua Mal. Hermes, 999, Centro Cívico, Curitiba
Inscrições a partir de R$ 79,90. Alunos e colaboradores da Uninter têm 30% de desconto
Inscrições e mais informações: www.esportepraviver.com.br

Centro Universitário UNINTER desenvolve aplicativo em parceria com alunos

Segundo dados da pesquisa App Olympics, realizada em 2016, o Brasil lidera a lista de países com mercados mais competitivos para aplicativos mobile. Ao todo, foram analisados dados de 52 milhões de usuários para verificar como eles interagem com seus aplicativos e dispositivos móveis. A análise também mostrou que os brasileiros usam, em média, 29 aplicativos e interagem mensalmente com 53. Com o resultado, o Brasil ultrapassou o México e os Estados Unidos no que diz respeito ao engajamento dos usuários – especialmente em categorias de jogos e aplicativos cotidianos.

Seguindo as tendências mundiais e com o objetivo de promover mais interação com os alunos, o Centro Universitário Internacional Uninter criou o aplicativo UNINTER que oferece acesso rápido a informações acadêmicas e financeiras. “Hoje as pessoas acessam a internet mais pelo celular do que pelo computador, fazendo com que a agilidade e a facilidade na comunicação sejam uma necessidade em qualquer meio. E para instituições de ensino não seria diferente. Ao desenvolver o aplicativo, buscamos otimizar o tempo dos estudantes, agregando comodidade e interação. Para isso, reunimos diferentes serviços em uma única ferramenta como, por exemplo, o acesso a notas, boletos, entre outros. Já para os visitantes que ainda não são alunos, oportunizamos a realização da inscrição para o vestibular em poucos cliques, além do acesso a informações da instituição”, explica Maurício Bianchi, gerente de Tecnologia da Informação da Uninter.

O projeto foi desenvolvido pela equipe de Tecnologia da Informação da Uninter em parceria com alunos de diversos cursos do Centro Universitário. “Pensamos em uma ferramenta que atendesse a necessidade e, em menos de dois meses, criamos o aplicativo. Porém, como o objetivo é trazer todo mês um recurso ou uma novidade para os usuários, resolvemos formar um grupo para ouvir os alunos que nos ajudaram a direcionar cada uma das novas versões ”, acrescenta Bianchi.

Para o estudante do curso de Relações Internacionais, Carlos Cunha, as lojas virtuais têm oferecido muitos aplicativos que nem sempre são úteis no dia a dia. “Quando fui convidado para avaliar o aplicativo, fiquei feliz por ter a possibilidade de contribuir para o desenvolvimento de algo que facilitará a rotina de todos os estudantes. Foi uma boa surpresa, pois percebo que vários segmentos criam APPS sem levar em consideração o julgamento do usuário, o que inviabiliza o uso de diversos recursos”, comenta Cunha.

Após conhecer a primeira versão do aplicativo e algumas das próximas etapas, os alunos testaram as possibilidades oferecidas e enviaram suas considerações. “Pudemos testar e opinar sobre cada item e, com isso, ajudamos os desenvolvedores na antecipação de alguns recursos e na criação de novos. Foi uma experiência nova, mas que levarei para o resto da minha vida”, destaca o aluno.

O aplicativo ainda oferecerá uma opção de notificação na qual o aluno receberá alertas exclusivos sobre notas, atividades e comunicados institucionais. “Também já estão programadas versões onde o usuário poderá abrir protocolos para a secretaria e interagir com os professores e colegas de turma. A cada novo recurso, reforçamos o nosso compromisso em entregar uma ferramenta que irá proporcionar mais interação entre aluno e instituição, além de oferecer o acesso aos serviços que ele precisa, sempre de forma rápida e prática”, completa o gerente de TI.

Para conhecer e utilizar os serviços disponíveis é necessário fazer o download do aplicativo – buscado pela palavra-chave “UNINTER”, disponível na App Store e na Play Store.