Hospital do Trabalhador de Curitiba recebe reforço da Essilor para a proteção de suas equipes médicas

400 óculos de proteção chegarão ainda essa semana ao Hospital do Trabalhador de Curitiba. Doado pela Essilor, o equipamento traz boa vedação e o seu uso tem como objetivo proteger a saúde das equipes que atendem diretamente os pacientes afetados pelo novo coronavírus. A ação da Essilor consiste na entrega do equipamento de proteção ocular a hospitais brasileiros atuantes no tratamento de pacientes infectados. A expectativa é de que a empresa viabilize a doação de mais de 15 mil óculos de proteção a instituições que estão na linha de frente do combate à epidemia em 14 estados, em todas as regiões do Brasil.

Desde o dia 27 de março, instituições médicas de São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Aracaju, Belo Horizonte, Fortaleza e Teresina receberam doações da multinacional. Na sequência, hospitais e casas de saúde de Manaus, Goiânia e Brasília, entre outros, receberão o equipamento.

A ação, que também aconteceu na China, é fruto de uma negociação da multinacional francesa do segmento óptico com o fabricante do acessório de segurança, confeccionado em PVC atóxico, lentes em policarbonato incolor e ajuste por elástico, sem furos. Com boa vedação, oferece proteção aos profissionais de saúde.

O diretor geral da Essilor, Sébastien Picot, afirma que o empresariado é um grande aliado nesse momento de atuação em prol do bem-estar da sociedade. “Importante motivarmos outras empresas a, neste momento desafiador, se unirem numa grande rede de cooperação”, comenta, reforçando a profunda responsabilidade social do grupo francês.

A doação está sendo viabilizada através do Vision for Life ™, fundo de impacto social da Essilor International, criado em 2015 para apoiar infraestrutura e programas sustentáveis de cuidados com a visão.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.