Nexcore revela crescimento em novos mercados durante a pandemia

Deivis Santos, CBO da Nexcore Tecnologia

A pandemia mudou algumas verdades que norteavam as centrais de relacionamento em todo Brasil. A ambientação dos canais digitais nestes últimos meses tem sido intensa e acelerou a implementação de formatos que oferecem maior integração na comunicação e melhoram a experiência do cliente como as Unidades de Respostas Audíveis inteligentes (URAs), os portais de autosserviço, a Inteligência Artificial (IA) e os chatbots que caíram no gosto das relações de atendimento.

“A transformação digital do mercado durante esse isolamento imposto acelerou o processo e a solução cloud que desenvolvemos viabilizou a entrada em mercados de alta performance tais como: bancos, fintechs e BPOs. À medida que o home office foi se estabelecendo, e que oferecemos assistência nas estruturas dos clientes para ajudar nas migrações para nuvem, os ganhos da tecnologia em atendimento ficaram em evidência e recuperamos espaço”, afirma Deivis Santos, CBO da Nexcore Tecnologia. Isso pode ser observado no crescimento de 10% da receita da empresa ao longo de 2020, em comparação a 2019, além de conseguirem manter seus clientes mesmo em tempo de pandemia.

Hoje estabelecida no mercado de tecnologia, a empresa baseada em Curitiba, capital do Paraná, fecha o ano com 30% de crescimento devido à entrada em novos mercados de alta performance e grandes volumes. A Nexcore se encaixa no perfil em expansão entre os investidores que, nesse momento de volatilidade da economia, estão exigindo maior proteção antes de injetar dinheiro em novos negócios.

2021 promete

O momento ainda é de volatilidade, mas com a retomada da economia o executivo revela boas perspectivas para 2021, vislumbrando inclusive a internacionalização da empresa. O intuito é que a proposta vire um planejamento definitivo em 2022, impulsionado pelo sucesso de vendas das soluções em nuvem. Santos também destaca mais investimentos no setor comercial, pois prevê “um crescimento de 50% para 2021 nos mercados de alta performance e criticidade”. O ano que virá promete e a empresa prepara ainda o lançamento de novos produtos como transcritor de voz (áudio) para texto e NLP (Processamento de linguagem natural, em português) integrado aos bots.

“Tivemos dificuldades como ter que reduzir a jornada de muitos colaboradores no primeiro semestre, alguns foram até mesmo dispensados, mas agora eles já foram recontratados ou estão com a jornada normalizada, e voltamos a abrir contratação. Mesmo com todas as dificuldades, decidimos manter o investimento acima de R$ 5 mi na nova sede que está em construção e teremos novo endereço em janeiro, o que deve permitir maior proximidade com o público e uma estrutura de suporte mais tecnológica aos clientes e colaboradores”, finaliza o executivo da Nexcore.  

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.