Vale do Pinhão promove inédita competição on-line de startups de Curitiba

00300182

Oferecer mentoria e até possibilidade de investimento para startups e empreendedores de Curitiba, durante a pandemia da covid-19, é o objetivo do Pitch Live, inédita competição on-line promovida pelo Vale do Pinhão. O projeto une disputa e aprendizado, com foco em oportunidades de desenvolvimento de produtos e serviços inovadores.

Cris Alessi, presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, avalia que o formato da competição do Vale do Pinhão contribuirá com o crescimento dos participantes, já que todos vão sair ganhando com a experiência e o aprendizado proporcionado.

“O Pitch Live dará mais visibilidade às startups e gerará mais negócios em Curitiba, mesmo durante a pandemia do novo coronavírus”, analisa Cris. A Agência Curitiba, ligada à Prefeitura, é responsável pela organização do evento digital.

A competição é dividida em três etapas e em duas delas estão previstos pitchs (apresentações rápidas) on-line, quando as startups vão “se vender” para jurados indicados por fundos de investimento do Vale do Pinhão.

Já estão confirmados nas bancas representantes do Anjos do Brasil, Curitiba Angel, Redpoint Eventures, Bzplan, HAG Ventures, GoVentures, BumpLab Startup, Platta Investimentos, JUPTER, Founder Institute Brazil, Honey Island Capital, VMF Participações, 2be Solutions e Excelência Participações.

Fases

Na primeira fase, as startups passam por uma seletiva e deverão se inscrever, até 17 de junho, no link da competição on-line. A partir de informações detalhadas no formulário, como estágio do projeto, equipe, produto e mercado, técnicos e parceiros da Agência Curitiba farão uma curadoria para escolher as 20 empresas que irão para a próxima etapa da competição do Vale do Pinhão.

Na segunda fase, começam os pitches das startups selecionadas, com apresentações de até quatro minutos. Serão dois grupos, divididos em dez competidores, que farão apresentações on-line para os jurados nos dias 19 de junho (grupo 1) e 26 de junho (grupo 2), às 16h30.

Com transmissão ao vivo pelo Youtube do Vale do Pinhão, os competidores serão avaliados a partir de critérios como grau de maturidade da empresa (e equipe), novidade, diferenciação e utilidade da inovação tecnológica apresentada.

A final da competição será no dia 1º de julho, às 16h, quando os oito finalistas se enfrentarão em um “Business Round” especial, versão on-line da rodada de negócios mensal promovida pelo Vale do Pinhão (o evento está suspenso com a pandemia). Serão pitches de quatro minutos para cada finalista e os jurados terão mais três minutos para fazer perguntas.

Nesta última etapa, o público também poderá votar e as empresas mais bem avaliadas somarão pontos extras em relação à votação do júri também formado por fundos de investimento.

Premiação

Como premiação, as startups receberão certificados como “Empresa Promissora” (2º e 3º lugares) e “Empresa Destaque” (1º lugar), oferecidos pela Agência Curitiba. Além disso, os fundos de investimento parceiros irão oferecer mentorias e a possiblidade de as empresas mais bem colocadas participarem de programas de aceleração e até de rodadas de investimento.

Fonte: Prefeitura de Curitiba

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.